Por que é mais fácil obter cartão de crédito do que um empréstimo?

A vida as vezes nos presenteia com surpresas (sejam elas boas ou más) que podem nos fazer ter a necessidade de um dinheiro a mais que as vezes não temos em caixa e isso significa que precisaríamos pedir um empréstimo.

Só que, quando falamos em empréstimo, surgem uma série de dúvidas: como consegui-lo, qual o crédito mais barato?

Ora, todas as operações de crédito têm taxas de juros relevantes e é preciso estudá-las, ademais, há muitos casos, em que o processo de obtenção de empréstimo bancário pode ser burocrático e demorado.

É nesse ínterim, que muitas pessoas costumam se questionar por que é mais fácil obter cartão de crédito do que empréstimo, de modo que, para conseguirem um empréstimo acabam utilizando o próprio cartão e caindo muitas vezes na armadilha do crédito rotativo.

Obviamente, conseguir crédito com o cartão de crédito é uma alternativa realmente a ser pensada em momentos emergenciais, mas é preciso ter cautela e fazer todo um planejamento financeiro para não comprometer todo seu orçamento.

 

O que é mais fácil de obter: cartão de crédito ou empréstimo?

Se seu questionamento é sobre por que é mais fácil obter cartão de crédito do que empréstimo, temos que dizer que não é que seja mais fácil obter um cartão de crédito ou empréstimo, ambos têm suas particularidades e exigem documentações comprobatórias.

Por exemplo, para adquirir um cartão de crédito, muitos bancos solicitam a apresentação de renda mínima e, por conta desse valor, é possível é possível conseguir mais chances e vantagens em um cartão de crédito, como maior limite.

Além disso, outro motivo de se tonar mais fácil obter um cartão de crédito é por conta da grande concorrência de cartões, ou seja, há opções que nem sequer exigem renda mínima, porém, elas apresentam menos vantagens e menos limite aos seus usuários.

Já no caso de empréstimo pessoal, o que poderá dificultar mais sua obtenção é a forma como é analisado, já que é avaliado é o perfil individual do requerente, de modo que o valor disponível pode ser diferente do solicitado, entretanto, as parcelas para sua quitação são fixas, o que facilita no planejamento financeiro.

 

Empréstimo emergencial

Por tudo isso, muitas pessoas que possuem um cartão de crédito ou mesmo aquelas que querem um empréstimo, podem achar que é bem mais fácil e cômodo conseguir um empréstimo usando o cartão de crédito, porém, deve-se levar em consideração as taxas cobradas.

São as taxas e os juros que costumam pesar no bolso e comprometer o orçamento do solicitante.

Outro motivo que pode fazer com que boa parte das pessoas considerem o saque do limite do cartão uma forma mais fácil de conseguir empréstimo é porque você pode sacá-lo sem a necessidade de comprovantes e justificativas para bancos.

 

Como sacar usando o cartão de crédito?

Praticamente todos os cartões de crédito oferecem um limite o qual seus usuários podem sacar a qualquer momento em um caixa eletrônico.

Apesar de não ser uma opção muito indicada, tendo em vista que as taxas de juros são muito altas, para quem está precisando de um empréstimo rápido e sem burocracias essa é uma das possibilidades.

O pagamento do empréstimo é cobrado na fatura subsequente e já vem incluso os juros, taxas e encargos do serviço. Além disso, esse valor “emprestado” pode ser parcelado, só que, quanto mais tempo você levar para pagá-lo, mais juros, taxas e encargos entraram nessa conta.

Apesar de ser mais fácil conseguir um cartão de crédito e com ele obter um “empréstimo” a ideia da falta de burocracia é mais atrativa do que os encargos pagados para usá-lo.

No geral, por mais burocrático e por mais que as taxas do empréstimo pessoal não sejam tão boas (mas são melhores que as do cartão de crédito), ainda é uma opção melhor para quem busca empréstimo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *